Buscar

Número de mulheres é o mesmo, mas a representatividade diminuiu


O olhar sobre a representatividade feminina na política precisa ir além das chapas presidenciáveis. Segundo especialistas em política, o cargo de presidente é o topo da pirâmide, mas não representa todo o sistema. É necessário voltar a atenção também ao desempenho feminino da disputa da Câmara e Senado.

Entre diversos fatores, um dos impactos na participação das mulheres na política é a trajetória histórica que moldou os espaços de poder como masculinos. Para que a presença feminina seja efetiva, é preciso que ela aconteça em todas as esferas. As cotas de 30% para candidaturas femininas, que inclui o Fundo Eleitoral, são positivas, mas sozinhas não são suficientes para garantir que essa participação feminina seja efetiva e eficaz, ou que se reflita numa mudança de sociedade.

Fonte: Destak

#Notícias #ObservatórioEleições2018

Envie uma mensagem

  • ABRA - Facebook
  • ABRA Instagram
  • ABRA Twitter
  • Youtube ABRA

Telefone: 61 9 9250-5315

E-mail: contato@abra.adv.br

 

Brasília - DF

 

 

Site criado em 2018 pela Navegar Consultoria | Atualizado em 2018 pela ABRA